Amigos do Ovelha limpam margens do rio

A Associação dos Amigos do Rio Ovelha – AARO promoveu, no domingo, uma ação de limpeza das margens do rio Ovelha, em Marco de Canaveses, no âmbito de uma iniciativa de preservação e conservação da Natureza que decorreu um pouco por todo o Norte.

A atividade arrancou junto à Ponte de Arco, em Marco de Canaveses, onde o arqueólogo Luís Sousa, da Rota do Românico, fez uma breve apresentação da história desta travessia de traço românico, atualmente em obras de restauração.

Esta ponte de um único arco de grandes dimensões foi considerada como Imóvel de Interesse Público em 1982 e está integrada na Rota do Românico desde 2010.

Segundo a AARO, esta iniciativa pretendeu “chamar a atenção para a preservação de um património natural, os rios, convidando as populações locais a participarem na limpeza com o intuito de as levar a valorizar e aproximar de um bem comum, com tanta riqueza natural e histórica”.

O evento integrou o “Dia de Ação Comum Pela Natureza”, uma iniciativa acordada entre diversas entidades ambientais que dedicaram o dia a promover atividades de defesa, conservação e preservação da Natureza.

A intervenção nas margens do Ovelha contou com a colaboração da Câmara Municipal de Marco de Canaveses, Junta de Freguesia de Salvador do Monte e Junta de Freguesia de Várzea, Aliviada e Folhada, entre outras entidades.

CONTINUAR A LER

Deixe um Comentário

Pode Também Gostar