Amarante sinaliza Caminho de Santiago

O Município de Amarante concluiu o processo de sinalização do Caminho de Santiago no seu território. Num total de 28 quilómetros, o percurso sinalizado corresponde ao itinerário Torre, que tem início em Salamanca e que, depois de entrar em Portugal, por Almeida, segue no sentido Sudeste/Noroeste pela Beira Alta até à Região do Douro, atravessando o Rio Douro em Peso da Régua e daí, por Mesão Frio até Amarante. De Amarante passa por Guimarães em direção ao Alto Minho, onde entra na Galiza, terminando em Santiago de Compostela. 

A sinalização adotada pelo Município de Amarante obedece às normas definidas pelo Conselho da Europa e pela legislação nacional em vigor e organiza-se do seguinte modo: sinalização direcional constituída por placas com prumo em HPL de fundo azul com seta e vieira estilizada a amarelo. No Centro Histórico de Amarante, as placas direcionais foram substituídas por uma vieira apontada em latão cravadas ao chão. 

Há ainda locais onde os peregrinos a cavalo ou de bicicleta, por questões de regulamento do trânsito ou de desnível (escadas, por exemplo), terão de efetuar um percurso alternativo. Para o efeito, foi colocada sinalização apropriada com dístico de peregrino em bicicleta ou cavalo com vieira estilizada e seta direcional a amarelo sob fundo azul. 

Na cidade de Amarante há estabelecimentos de restauração que disponibilizam um “Menu de Peregrino” e alguns equipamentos hoteleiros praticam um desconto especial, mediante a apresentação da credencial do peregrino. 

À entrada e à saída do Concelho de Amarante, designadamente em Carneiro e em Castanheiro Redondo, foram colocados dois mupis informativos, onde o peregrino, além de uma mensagens de boas-vindas ou despedida, tem acesso a uma vista geral do percurso sobre o Concelho de Amarante, os pontos de interesse, os locais de pernoita e de restauração, bem como a contatos telefónicos pertinentes. 

Foi ainda colocada informação complementar, destinada aos condutores, informando que a via pública é cruzada por uma rota de peregrinação ou que é utilizada por peregrinos. Por sua vez, os peregrinos encontram sinalização informativa da aproximação a estrada nacional.  

O Município de Amarante tem ainda disponíveis, na receção do Museu Municipal Amadeo de Souza-Cardoso e na Loja Interativa de Turismo, um carimbo oficial alusivo aos Caminhos de Santiago. 

Na cidade há estabelecimentos de restauração que disponibilizam um “Menu de Peregrino” e alguns equipamentos hoteleiros praticam um desconto especial, mediante a apresentação da credencial do peregrino. 

A Credencial do Peregrino poderá ser obtida junto da entidade local creditada para o efeito: Delegação de Amarante da Associação Espaço Jacobeus. 

Porquê Itinerário de Torres?

A designação Torres advém do itinerário escolhido por Diego de Torres Villarroel, catedrático em Matemática da Universidade de Salamanca, no ano de 1737, e que tem vindo a ser fomentado por diversas entidades portuguesas e espanholas.

Em Amarante, o itinerário sinalizado procurou sempre que possível e viável, respeitar as referências históricas, tendo em consideração a sua praticabilidade. Para o efeito, e a partir do Alto de Padrões o percurso segue pela Estrada Pombalina, em alternativa à impraticável Via Medieval, até Ovelhinha (Gondar). É de salientar ainda que Gondar é mencionada em 1758, como sendo frequentado por muitos viandantes em resultado destas importantes vias de comunicação. 

Na cidade, os elementos e as referências históricas ao Caminho de Santiago são bastante evidentes, a título de exemplo, as albergarias medievais e outras instituições de acolhimento, a devoção a S. Tiago e a mais significativa de todas: a Devoção e a Memória de Gonçalo de Amarante, beato da Igreja Católica, pregador e peregrino. 

Da Cidade de Amarante, a rota prossegue pela antiga estrada de Guimarães até ao Burgo Vimaranense. Ao longo do percurso é possível visitar o Mosteiro de Telões, antigo cenóbio beneditino em cuja comunidade se podia encontrar abrigo e pernoita. 

CONTINUAR A LER

Deixe um Comentário

Pode Também Gostar