junho_1998 . #28

Augusto Barros, um médico de família. Pinto Monteiro, um homem sem sono e filhos de um Deus menor, o flagelo da pobreza em Amarante e no país.